Sinais e Sintomas da Infertilidade que Você Precisa Conhecer

Quando se trata de construir uma família, a Infertilidade pode ser um obstáculo significativo e fonte de preocupação para muitos casais. É uma condição que afeta tanto homens quanto mulheres, impedindo-os de conceber um filho após um ano de tentativas regulares sem proteção. No entanto, entender quando é hora de começar a se preocupar e procurar ajuda pode fazer toda a diferença no caminho para a parentalidade.

A jornada para se tornar pais pode ser repleta de emoções e desafios, e para alguns casais, a infertilidade surge como uma realidade inesperada. Estima-se que cerca de 10 a 15% dos casais em idade reprodutiva enfrentem dificuldades para conceber. A “infertilidade” é definida pela incapacidade de alcançar a gravidez após 12 meses ou mais de relações sexuais regulares e desprotegidas. Embora esse marco temporal sirva como um guia geral, vários fatores podem influenciar a decisão de quando buscar avaliação e tratamento.

Sinais e Sintomas de Infertilidade: Quando é Hora de Começar a se Preocupar?

Conheça os principais sinais de infertilidade:

  • Idade: A idade é um fator crítico na fertilidade, especialmente para as mulheres. A capacidade reprodutiva feminina começa a declinar mais significativamente após os 35 anos. Casais em que a mulher tem 35 anos ou mais podem considerar buscar ajuda após seis meses de tentativas sem sucesso. Para mulheres com mais de 40 anos, recomenda-se buscar aconselhamento assim que decidirem tentar conceber.
  • Histórico Médico e Sintomas: Histórico de doenças sexualmente transmissíveis, cirurgias pélvicas, problemas menstruais irregulares, dor pélvica, ou se o homem tem histórico de problemas testiculares, pode ser prudente procurar avaliação mais cedo.
  • Estilo de Vida e Saúde Geral: Fatores como obesidade, tabagismo e consumo excessivo de álcool podem afetar a fertilidade. Casais que possuem ou suspeitam de ter questões de saúde que possam impactar a concepção devem considerar uma consulta com especialistas em fertilidade.
  • Tentativas Prévias de Concepção: Casais que tiveram abortos espontâneos repetidos ou que estão tentando sem sucesso há mais de um ano devem buscar aconselhamento especializado. 

Miomas e endometriose e Infertilidade

Vários problemas de saúde podem impactar negativamente a fertilidade de uma mulher, entre eles, miomas uterinos e endometriose são dois dos mais comuns. Ambas as condições podem influenciar as chances de concepção de maneiras distintas, mas, felizmente, opções de tratamento, incluindo a cirurgia, podem ajudar a restaurar ou melhorar a capacidade fértil.

Miomas Uterinos

Miomas são tumores benignos que se formam no músculo do útero. Embora muitas vezes não causem sintomas, podem afetar a fertilidade ao distorcer a forma do útero, obstruir as trompas de Falópio ou interferir na implantação do embrião. A miomectomia, uma cirurgia para remover miomas, pode ser indicada para mulheres que desejam preservar a fertilidade. Este procedimento pode melhorar as chances de concepção e reduzir o risco de complicações durante a gravidez, removendo os miomas enquanto deixa o útero intacto.

Endometriose

A endometriose ocorre quando o tecido semelhante ao revestimento do útero cresce fora dele, causando dor, inflamação e, frequentemente, problemas de fertilidade. A endometriose pode provocar aderências que distorcem a anatomia pélvica, dificultando a captura do óvulo pelas trompas de Falópio ou sua implantação no útero. A cirurgia de endometriose para remover ou reduzir os implantes endometriais pode ajudar a aliviar esses problemas. Realizada com cirurgia laparoscópica, essa intervenção visa remover o tecido endometrial ectópico e restaurar a anatomia normal, o que pode aumentar significativamente as chances de gravidez natural ou melhorar os resultados de tratamentos de fertilidade assistida.

Como a Cirurgia Pode Ajudar

A cirurgia para tratar miomas ou a cirurgia de endometriose não apenas aborda os sintomas dolorosos associados a essas condições, mas também pode ter um impacto positivo na fertilidade. Ao corrigir as anormalidades físicas que podem impedir a concepção ou aumentar o risco de aborto espontâneo, esses procedimentos cirúrgicos podem abrir o caminho para uma gravidez bem-sucedida. É importante, contudo, que cada caso seja avaliado individualmente por um cirurgião ginecológico, que poderá recomendar a melhor abordagem de tratamento baseada na condição específica da paciente, sua idade, saúde geral e desejo de ter filhos.

Embora a ideia de INFERTILIDADE possa ser assustadora, é importante lembrar que muitos casais enfrentam esses desafios e, com ajuda médica, muitos conseguem alcançar o sonho da parentalidade. A chave é buscar suporte e orientação no tempo certo. Se você ou seu parceiro estão preocupados com a Infertilidade, agendar uma consulta com um cirurgião ginecológico, como o Dr. Daniel Cesar, pode ser o primeiro passo para entender melhor suas opções e embarcar em um plano de tratamento personalizado para suas necessidades específicas.

Dr. Daniel Cesar de Araújo Santos

Cirurgião Geral, Cirurgião Ginecológico e Cirurgião Oncoginecológico

CRM 52856207

RQE 38878

RQE 38877


O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.